Quem tem medo da Marcha dos Prefeitos à Brasília?

Parece que o Palácio do Planalto está tentando cancelar a Marcha dos Prefeitos, evento que acontece anualmente, levando mais de 4 mil prefeitos à Brasília para discutir questões que influenciam o dia-a-dia dos Municípios e são apresentadas as reivindicações do movimento municipalista.

Será que a presidenta Dilma Rousseff está com medo de ouvir os prefeitos?
Será que a presidenta Dilma não quer discutir com os prefeitos o fato do governo federal ficar com mais de 70% das receitas das taxas e impostos e, ainda assim, repassar mais e mais serviços para as prefeituras sem aumentar o repasse de verbas?
Será que a presidenta Dilma está com medo das cobranças dos prefeitos para que se repassem verbas para a manutenção das creches, visto que o Congresso Nacional aprovou a obrigatoriedade do ensino infantil a partir dos 4 anos?
Será que a presidente Dilma está com medo das reivindicações para o repasse de verbas para o atendimento dos direitos das crianças e adolescentes? E também a manutenção dos conselhos tutelares, tendo em vista a lei federal 12696/2012 que estabelece maiores obrigações para as prefeitura manter e remunerar os conselheiros tutelares?
Será que a presidenta Dilma está com medo das cobranças por mais recursos para a implantação de programas de prevenção ou atendimento aos dependentes químicos? Em São Paulo, trafico se iguala a roubo entre os motivos que levam menores à Fundação Casa (leia aqui).
Será que a presidenta Dilma tem medo de enfrentar a questão da Saúde e os números apresentado pelos prefeitos? “Em 1980, a União era responsável por 75% das despesas na área de saúde, enquanto os estados respondiam por 18% e os municípios por apenas 7%. Em 2008, a participação da União caiu para 43,5%, a dos estados foi para 27% e a dos municípios atingiu 29%. Ou seja, nesse período, os gastos das prefeituras com saúde quadruplicaram”. (in Carta de Santos, elaborada ao término do 57° Congresso Estadual de Municípios de SP).

Não dá para acreditar que a presidenta Dilma estaria com medo das manifestações dos prefeitos, pois ela recebeu o pessoal do Movimento Passe Livre, que representa uma organização com cerca de 20 pessoas, sendo que os prefeitos brasileiros representam quase 200 milhões de brasileiros.

Para maiores informações sobre a Marcha do Prefeitos à Brasília (de 8 a 11 de junho) pode-se contatar a Associação Paulista de Municípios através da Dalva Christofoletti (Rua Major Sertório, 128 – 9º Andar – CEP: 01222-000 – Telefone/Fax: (11) 2165-9999).

São Paulo, 27 de junho de 2013.
Mauro Alves da Silva
https://blogdomaurosilva.wordpress.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s